Ilda Maria Costa Brasil, Celeiro da Alma

"Sonhar é acordar-se para dentro." Mario Quintana

Textos



GRACEJOS DE ADIVINHOS
 
Brisa primaveril embala sonhos
em fascinante manhã de setembro.
O tempo passou e chegou dezembro,
traçando novos e lindos caminhos.
 
Amigos protegeram-lhe de espinhos
e amenizaram-lhe expressão de assombro,
quando caiu do muro e machucou o ombro,
resgatando gracejos de adivinhos.
 
Tais brincadeiras, além de encantarem,
trazem esperança e iluminam vidas.
Esplendor e alegria a abrilhantarem.
 
Emoções altruístas, em corridas;
levaram respeito e fé despertarem
durante desfiles em avenidas. 

 
Ilda Maria Costa Brasil
Enviado por Ilda Maria Costa Brasil em 01/10/2017

Música: Charmaine - Andre Rieu

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Tela de Claude Monet
Site do Escritor criado por Recanto das Letras